Filho é sempre filho…


Para você que é filho (a) de Pais separados:


“Todo filho quer conhecer e quer conviver com o pai, isso só não acontece quando algo realmente grave ocorreu ou por mentiras ditas como se fossem verdades pelo genitor alienador (mãe, avós (vó/vô), tios (tio/tia), babás, professores (professor/professora)) contra o pai.

Se vc é criança ou adolescente e não sabe o que te afastou de seu pai, tente recordar a maneira com que sua mãe se referia à ele:

-Com carinho ou com raiva?
-Elogiando ou ridicularizando?
-Considerando a figura dele ou menosprezando?
-Respeitando o amor dele por vc ou desrespeitando?
-Respeitando seu amor por ele ou ignorando?

Nunca se esqueça que na infância o que a mãe diz para a criança ela recebe como verdade incontestável, e com o afastamento do pai feito pela mãe, ele não tem a possibilidade de se defender, de provar, de mostrar a verdadeira pessoa que ele é, pois foi afastado de maneira injusta e cruel.

Você, criança ou adolescente, que vive ou viveu isso procure seu pai, ele com certeza te ama, sofre a sua falta e ficará muitoooooooo feliz em te receber, seja o dia que for!”

Acesse: Alienação Parental – Rompendo Amarras

Foto de Alienação Parental - Rompendo Amarras.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s