Papai, onde está você? (Stromae)


Papaoutai

Stromae

Dites-moi d’où il vient
Enfin je saurais où je vais
Maman dit que lorsqu’on cherche bien
On finit toujours par trouver
Elle dit qu’il n’est jamais très loin
Qu’il part très souvent travailler
Maman dit “travailler c’est bien”
Bien mieux qu’être mal accompagné, pas vrai?

Où est ton papa?
Dis-moi où est ton papa
Sans même devoir lui parler
Il sait ce qui ne va pas
Ah sacré papa
Dis-moi où es-tu caché?
Ça doit faire au moins mille fois que j’ai
Compté mes doigts

Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, où t’es, où papa, où t’es?

Quoi qu’on y croit ou pas
Y aura bien un jour où on y croira plus
Un jour ou l’autre on sera tous papa
Et d’un jour à l’autre on aura disparu
Serons-nous détestables?
Serons-nous admirables?
Des géniteurs ou des génies?
Dites-nous qui donnent naissance aux irresponsables?
Ah dites-nous qui tient
Tout le monde sait comment on fait les bébés
Mais personne sait comment on fait des papas
Monsieur jesaistout en aurait hérité, c’est ça
Faut l’sucer son pouce ou quoi
Dites-nous où c’est caché, ça doit
Faire au moins mille fois qu’on a bouffé nos doigts

Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, où t’es, où papa, où t’es?

Où est ton papa?
Dis-moi où est ton papa
Sans même devoir lui parler
Il sait ce qui ne va pas
Ah sacré papa
Dis-moi où es-tu caché?
Ça doit faire au moins mille fois que j’ai
Compté mes doigts

Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, papa, où t’es?
Où t’es, où t’es, où papa, où t’es?

 

tradução Português

Papai, Onde Está Você?

Diga-me de onde ele vem
Assim saberei para onde estou indo
Mamãe diz que quando você procura bem
Sempre acaba encontrando
Ela diz que ele nunca está muito longe
Que ele vai ao trabalho muitas vezes
Mamãe diz que trabalhar é bom
Bem melhor do que estar em má companhia, certo?

Onde está seu papai?
Diga-me onde está seu papai
Sem nem mesmo precisar falar com ele
Ele sabe que as coisas não vão bem
Oh, bendito papai
Diga-me, onde você está escondido?
Eu já devo ter contado meus dedos pelo menos
Umas mil vezes

Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, onde está você, onde papai, onde está você?

Quer você acredite ou não
Haverá um dia em que não acreditaremos mais
Um dia ou outro, vamos todos ser papais
E de um dia para o outro, desapareceremos
Seremos detestáveis?
Seremos admiráveis?
Apenas genitores ou gênios?
Diga-nos, quem dá à luz aos irresponsáveis?
Oh, só diga-nos quem
Todo mundo sabe como fazer bebês
Mas ninguém sabe como fazer papais
O senhor “sabe tudo”, deve ter herdado, é isso
Isso vem ao chuparmos o dedo ou o quê?
Diga-nos onde eles estão escondidos
Nós já devemos ter comido nossos dedos pelo menos umas mil vezes

Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, onde está você, onde papai, onde está você?

Onde está seu papai?
Diga-me onde está seu papai
Sem nem mesmo precisar falar com ele
Ele sabe que as coisas não vão bem
Oh, bendito papai
Diga-me onde você está escondido
Eu já devo ter contado meus dedos pelo menos
Umas mil vezes

Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, papai, onde está você?
Onde está você, onde está você, onde papai, onde está você?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s